Algumas poucas linhas

Gosto demais do meu blog para vê-lo morrer. Minha solução para evitar isso é ir escrevendinho coisinhas simples, contando o cotidiano. Mesmo que seja na linguagem do twitter, do menor esforço de esclarecimento e tal.

*

Então aí vai.

*

Ego pouco é bobagem. Tem essa outra filmagem da minha dança aqui, ó. Dá pra ver a expressão e a extensão da banha abdominal. Dá pra ver melhor os movimentos também. Eu realmente gostei da dancinha. Queria que todas as improvisações fossem bem-acabadas como essa e tal. Não é grandes merdes. Mas eu gosto.

*

Nem fui pro festival da Luxor fazer aula com o Tito. Faltam duas semanas para o espetáculo do AYUNY e tem rolado umas chateações bem… chatas? De todo modo, o espetáculo vai ser grande, enorme. É dos 10 anos da escola e estou trazendo a Polimnia Garro e apoiando a vinda da Paula Braz. O nome, “Mabruk”, é um mega parabéns para a escola e para a cidade de Brasília.

Pra escola porque sobreviver 10 anos no mercado não é bolinho. Sobreviver 10 anos com elegância, então… ufa! Que lindo é o AYUNY. Falou mal da minha escola, falou mal de mim, tipo isso.

Pra Brasília porque, coitada da cidade, taí há 50 anos. Com muita sacanagem, muita burguesia retardada e tal e coisa. E em pé. Quem é de Brasília entende o desânimo. Mas tamos de governador novo e a esperança é o último recurso, né?

*

Minha tese? Tá geladinha, geladinha.

*

Tem work da Polimnia Garro um dia antes do “petáculo”. Fiz 2 works com ela e uso até hoje o que aprendi. Amo muito. Se quer fazer também e estudar com uma mulher bacana, talentosa e mega didática, veja os detalhes na foto abaixo (é só clicar que a imagem fica legível).

*

Tô tensa, muuuuito nervosa. Mas minhas turmas estão lindas, dedicadas e as coreos são muito boas. Não, não sou humilde. Mas isso não é novidade, é?

 

16 comentários sobre “Algumas poucas linhas

  1. E vc sabe que tudo isso deixa a gente mais forte, né moça? E a vida é isso, tem as marés bravas, onde vem uma onda atrás da outra, e tem a fase da maré mansa, só marolinha…

    beijocas, ‘tamos sempre aqui.

    1. Nuss, Vivi, mas tá druris mess… detesto ser megera de verdade, mas quando se trata de investimento financeiro – espetáculo custa dinheiro, diferente de chás e mostra, que se bancam – a gente começa a ficar nersssvosa… Mas tá tudo começando a entrar nos eixos, graças ao sagrado!

  2. kkkk que delicia! olha só: tem gente que confunde amor próprio com arrogância e falta de humildade. eu never!! parabens, tem mais é que lamber a cria! sucesso pra vcs!!🙂
    ps: a tua expressão na dança, ta cada vez mais gostosa de ver!

  3. Oi, querida!
    Dificilmente comento, mas estou aqui sempre, esperando pelos posts!
    Que dança gostosa de se ver! E teve momentos que quase vi a Souheir Zaki, tive que piscar duas vezes pra ilusão passar!😉
    Esse espetáculo será lindo, com certeza. Vontade de ir pra Brasília assistir. E a Polimnia é maravilhosa!!!
    Beijos dos pampas, amore! Não deixa de postar, “de quando em vez”!

  4. Realmente tá parecendo a Souheir Zaki….. kkkk amei a dança!! Meus sinceros votos de sucesso no seu show! Vontade de ir prestigiar e ver esse monte de gente boa… mas agora q tenho dois padrinhos de casamento morando em Brasília, vai ser mais fácil prestigiar eventos futuros do Ayuny… enquanto isso, acompanhamos o blog… não nos abandone!!!
    Beijocas cariocas

    1. Ó, eu não tava fazendo cosplay da Suheir, viu? É influência mesmo então. Mas fiquei toda feliz de vocês acharem parecida. Tomara que ela não nos ouça. Minha preferida de todos os tempos. Que bacana que transmiti – sem querer – um pouquinho do estilo dela, perdido em meio a tantos efeitos. Obrigada pelo comentário, Laurinha!

  5. Amei a dança, curti cada momento! E a roupa é um arraso, devo dizer, ai que linda…
    Sucesso no espetáculo! E um bocado de sorte também, que ai a coisa fica completa =)
    Beijoca.

  6. Oi, Roberta! Encontrei seu blog hoje fazendo uma pesquisa e li vários posts. Adorei. Informativo, opinativo, inspirador, responsável e muito bem escrito. Parabéns! Só não gostei da possibilidade que você expressou ali em cima de o blog acabar morrendo. Como já foi comentado, seria uma grande perda pro universo bellydance. Espero sinceramente que você possa continuar escrevendo sempre. =]

    Sucesso no espetáculo! (com certeza vai ser lindo como os anteriores!)

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s