Visitas e eventos

Então. Na semana passada, estive imersa em dois importantes eventos da minha vida: a visita da Samara e a celebração do Dia Internacional da Mulher na minha escolinha. Tudo junto. Então vamos por partes.

rosamycompac

1. A Vinda da Samy.

Na noite de quarta a Samara chegou. Eu estava ansiosa, era a primeira vez que conheceria de fato uma amizade firmada pela intesssnet. Fui buscá-la atrasada no aeroporto, pois o Frank Sinatra, meu gatinho dourado, precisou ser internado (passa bem, shukran). Encontrei uma moça altona de longos cabelos vermelhos, querida e doce. Tomamos várias cervejinhas, conversamos um bocadim, fizemos alguns planos para a visita da cidade. Praticamente todos frustrados. Essa coisa de organizar evento, vou te contar, ocupa a vida toda. Fiquei triste por não podermos ter passeado o tanto quanto eu queria pelo planalto central. A Samy viu o quanto trabalho e testemunhou meu estado de surto pré-evento. Samy é uma pessoa japonesa: de fala mansa, serena, anda devagaaaaaaar… acho que por isso não ficou brava com a correria. Demos uma circulada rápida na Esplanada e fomos ver o lago. Caminhei com ela pelas redondezas (Plano Piloto) só para que ela constatasse que é tudo igual mesmo.

peraí, Roberta!
peraí, Roberta!

Ela ficou de queixo caído com os preços das coisas por aqui e gostou mesmo foi dos picolés de frutas do cerrado. Quando ela foi embora, fiquei com aquela sensação de que poderia ter oferecido mais, curtido mais, passeado mais… O lance é que ela veio no meio da organização do tal evento, o …

2. … Dia Internacional da Mulher no AYUNY

Professora Carol
Professora Carol

Pense um evento simples. Coisa pequena mesmo, não é espetáculo. Era uma questão de disponibilizar mesinhas para montar um pequeno bazar, organizar as danças de professoras e alunas, planejar os aulões, garantir a comidinha e divulgar. Pois é. Nada nessa vida é verdadeiramente simples quando olhamos de perto. Até porque sou ligada a detalhes. E gosto que as coisas saiam conforme o planejado.

Maha
Maha

O fato é: não se faz um evento, por mais despretensioso que seja, sem planejamento e atenção total em sua execução. Somente assim evitam-se vexames e falsos imprevistos. Porque imprevistos sempre rolam (como professoras que desistem de dançar no dia e fotógrafo que simplesmente não vai). Mas a gente acaba contornando, pois, com o tal planejamento e mente desperta, alternativas surgem facilmente. Nossa. Nunca soei tão auto-ajuda antes em toda a minha vida.

Aline
Aline

E ainda tem a questão do por que celebrar o tal Dia Internacional da Mulher. Dividida que sou, quis primeiro politizar, fazer um evento com palestras e distribuição de panfletos feministas. Queria colocar no cartaz a lembrança das mulheres que morreram nesse dia. Bom, tenho um sócio, o Marido, que vetou: “É pra ser evento feliz, para alegrar as alunas, esqueceu? Deixa isso de politizar pra UnB”. Ah, é. Lembrei.  Daí fizemos um evento bem bellydance mesmo. Sem nem falar do que na verdade significa o 08 de Março. Tanto melhor. O evento foi maravilhoso, leve, divertido, despretensioso e com grandes danças. Os aulões lotaram e agradaram geral. O bazar tinhas roupas de babar.

Marquinhos e Luara
Marquinhos e Luara

No fim, quando a maior parte das pessoas já tinha se retirado, fizemos uma farofinha ótima: a Luara dançou ao som do derbake do Marquinhos e depois dançamos todas um shaabi bem bão, puxando a geral pra “pista”. Teve bão demais! Samy dançou também, mas não tinha mais fotografia. Mas, ó, ficou registrado na cachola.

Pessoas lindas!
Pessoas lindas!

E não choveu.

8 comentários sobre “Visitas e eventos

  1. que bacana!! você é muito bonita, acho que esse sorriso deveria ilustrar mais os banners por aqui!
    tenho certeza de que o evento foi um sucesso e sua amiga se sentiu em casa. o melhor de tudo é a sinceridade com que fazemos as coisas e dá pra perceber que vc é do tipo de pessoa sincera em tudo!
    e parabéns por não deixar o 8 de Março passar em branco!

  2. Bom, eu sei do que vc está falando sobre a super Samy, porque eu também tive o prazer de te-la em minha cia pro um curto fim de semana. ..
    Samy é iluminada.
    Inteligente, faladeiraaaa, engraçada, meiga. Com ela não há meio termo. É tudo limpo. Muitas opiniões, muitos sorrisos e quando vai embora deixa pra trás um pouqinho dela.
    Não é?

    bjooooos!

  3. Amorsh,

    Sua energia quase me atropelou, é verdade. Mas é porque eu sou de uma pasmaceira congênita, se avexe não.
    Foram dias lindos, que não apenas constam, mas me brilham muito na memória.

    O que conta nisso tudo é que te amo horrores.

    Beijo. (E no marido fofo e em cada um dos bichanos fofos.)

  4. Achei os sorrisos tão radiantes e sinceros, que cá estou eu, sorrindo também!

    Beijos para a Rô e para a Samy, que conheci pesoalmente num certo aulão de dança cigana…
    🙂

  5. … e como aluna do Ayuny posso dizer que a tarde foi excelente! Acho que um evento assim só faz a gente se sentir querida na escola, o que nos faz mais presente! Que venham mais!
    beijão

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s