O show foi bom demais!

E sábado foi, finalmente, minha estréia como diretora artística do Ayuny. Quando comprei o estúdio, já tinha nas mãos a primeira bomba: show tradicionalmente no meio do ano, mas nenhum teatro havia sido agendado. Correria, angústia, falta de pauta em praticamente todos os espaços da cidade. Encontrei um lugar bacana, em um espaço cultural público, mas sem palco. Era um teatro-galpão. Agendei e talz, mas depois, pesando os custos da decoração e o choque das professoras em não dançar em palco, fui à caça de outro espaço. Aaaah, a Aliança Francesa. Tudo bonitinho, atendimento nota 10, preço acessível. Bora nessa!

Pensei assim: legal, o lugar é pequeno e, como é meio de ano, poucas turmas participarão e teremos uma audiência razoável. Qual nada: na primeira semana esgotaram-se os ingressos. Pânico. Tinha aluna ainda sem ingresso para a família. Única solução: fazer duas sessões. Lotou também, mas todas as alunas compraram os ingressos que queriam. Ufa-lhes.

Trabalheira também para negociar com técnicos, fotógrafo, cinegrafista. Resolvendo mil probleminhas, dos mais bestas aos mais complexos – tipo arrumar, de última hora, a iluminação e comprar salgadinhos para o lanche das meninas no intervalo, entre outras chateações necessárias. Chegou o dia. Às 13:00, passagem de palco e teste de som. O som estava uma meeeerde e o moço prometeu arrumar. O fotógrafo eliminou qualquer possibilidade de semi-escuridão para candelabro e vela. Fon. A primeira sessão começaria às 19:00 e às quatro da tarde eu ainda estava descabelada, unhas ao natural e com o pé sujo. A sorte foi que a Martinha, nossa amada Mahleeeene, mora ao lado da Aliança e me abrigou e fez uma escova ninja.

Chegada para a apresentação, desespero inicial por qualquer coisa. O som? Melhorou, mas, ainda assim, foi um ponto fraco do show. Emoção ao ver a coisa acontecendo, mais emoção ainda ao ver minhas alunas dançando perfeitamente a coreografia feita por mim. Dancei, por fim, uma coreografia requentada, pois não consegui arranjar tempo para compor minha própria coreo. Mas acho que ficou muito bom. Sei lá por que, me senti muito à vontade sobre aquele palco. E eu estava com roupa de duas peças, coisa raríssima, que não acontecia há anos. Resolvi assumir o pânceps e o resultado foi um chega-pra-lá na timidez. Fui bem mesmo. Dancei melhor na primeira sessão. Na segunda, perdi o equilíbrio em um dos momentos mais bacanas da coreo, além de repetido muitos passos e tremido em horas em que poderia ter feito algumas firulas legais, mas acho que nem todo mundo percebeu.

Por fim, a média de qualidade dos shows foi bem alta. Acho que nunca tinha visto um show tão equilibrado. Teve novidades, como o tribal da Ana Luiza e um fusion de suas alunas avançadas, tipo Chicago. E um baladi fora de série da Luara.

Foi tudo tão perfeitinho, tão bem encaminhado, que quase duvidei de que eu mesma tinha organizado aquilo.

^_^

P.S.: Pessoal, muito obrigada pelas mensagens de apoio pela Mignone. Obrigada mesmo.

=^_^=

13 comentários sobre “O show foi bom demais!

  1. Rô, minha tia fez vários vídeos: da padma, da ana luíza, nosso, das meninas do avançado. me lembra de te passar depois!
    beijos
    :***

    Lu, naquele dia acabamos não salvando. Fooon. “Como fas~?” ^_^

  2. Aí coisa gostosa, hein? Organizar, ver acontecer e curtir o depois. Ver as fotos, filmagens, ouvir as resenhas de quem assistiu… ô como é bom! Muitos outros spetáculos para vc, querida! Boa sorte!

  3. aah parabéns !
    é bom qnd tudo dá certo depois de tanta correria.

    Huum, fiquei curiosa com o baladi da moça, Luara. Se postarem, me avisa ok? Quero ver \o/
    bjão
    se cuida

  4. Parabéns pelo show!Vc não pretende colocar nenhm videozinho no youtube?Adoraria assistir!

    bjs

    Vou colocar sim. Assim que o dvd estiver disponível. As apresentações foram realmente boas.

  5. ~Mas olha só! que beleza!
    Fico pra lá de feliz com seu sucesso.
    Mesmo sem ter assitido ao espetáculo, tenho certeza que foi lindo.
    Parabéns.
    bjs
    ps.
    Se for possivel, põe ai, uns videos pro povo de longe, babar!!!

    Obrigada! Coloco sim, assim que sair o dvd.
    Beijos.

  6. Roberta,

    Não fui, pq no dia estava dançando tmb…
    Mas estava torcendo para tudo dar certo…
    E sabia que iría dar certo…
    Bora tomar uma breja? comemorar?

    Bjux,
    Pulinha.

  7. Oi Roberta!
    Adorei seu blog… vim visitar por indicação de uma colega de dança…
    Sou aluna de dança do ventre.. apaixonada pela arte tb😉
    Parabéns pela primeira experiencia… é so a primeira..😉

    Bjokas

  8. Ahhh, coé… foi tudo muito gostoso. Eu achei um show leve, alegre e gostoso de assistir. Me emocionei ao ver uma ex-aluna minha de graduação dançando em pura sintonia com as colegas, adorei ver o “ouro” reluzindo em sua dança, a espada matreira da tia Iris e, nêguinha, o tar baladiii dá vontade de dançar junto, né?
    Enfim, vc nasceu pra coisa, mobem, Go Ahead!

    bjão e sucesso

    Liz, você é líndica! Passa lá na escolinha pra mó de nóis tomá um chá e prosear!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s